Cenourinha:: Latika

latika-cenourinha-1

Oi amada tudo bem contigo? Espero que sim! Hoje tô aqui pra te mostrar essa esmaltada fofa com o Cenourinha da coleção Danielle Noce da Latika, ele é um esmalte cremoso com pegada uma pouco neon bem leve que ficou bom com duas camadas e não me deu trabalho algum, adorei!

latika-cenourinha-2Não estava afim de deixar essa esmaltada apenas assim, queria jogar um glitter nela então resolvi usar o Power Pop da Hits, que é um glitter forte com base laranja e glitters furta cor bem lindinhos! Achei que ficou bem legal essa combinação!

Me conta ai o que você achou.

Beijos Beijos

Depois dos 30

helen (3)

Hoje estava pensando sobre o que mudou na minha vida depois dos 30 e resolvi escrever sobre isso…(Sim hoje faço 32 anos, com alma de 16, como disse ao meus alunos hoje de manhã). Qual a diferença que essa idade trouxe pra mim? O que tem de novo? Será que tem algo novo? O que irá acontecer a partir de agora? Bom pra falar a verdade não tenho muitas respostas para essas perguntas, mas tenho algumas reflexões sobre elas.

Um coisa tenho certeza que aprendi foi a ter paciência não só com as pessoas a minha volta, mas com os acontecimentos também…Ter paciência para saber esperar que toda tormenta vai passar, que tudo irá se encaixar, que um dia irei conseguir no tempo certo.

Aprende a falar somente no necessário e não esperar que os outros entendam e passem a pensar como eu, mas também a falar quando se é necessário, não ficar calada e aceitar que digam ou façam coisas por mim.

Aprendi a me valorizar como sou, se me acha pouco agradável, respeito o que pensa, mas não espere que eu mude porque você pensa isso.

Aprendi a me posicionar sobre o que penso e acredito do modo certo, sem precisar impor nada sobre isso.

Aprendi a rir de mim mesma e o quanto é bom fazer isso.

Aprendi que posso deixar algumas pra fazer depois e que isso não é procrastinação e sim não ter pressa.

Aprendi aproveitar o máximo do meu dia, das convivências, dos momentos, da vida… Tem muitas coisas outras coisas que aprendi mas creio que estas são as principais.

Beijos Beijos

Poesia:: O sonho da borboleta

MDH 6

Um filósofo chinês conta esta história de dar vertigem: ” Enquanto dorme, um homem sonha que é uma borboleta: voa de flor em flor, busca o pólen, abre e fecha as asas. Ele tem a rapidez, a graça e a fragilidade da borboleta. De repente, acorda e percebe com espanto que é um homem. Mas é home que acaba de sonhar que era borboleta? Ou é uma borboleta que sonha que é um homem?”.

Segundo Chuang Tse, sábio taoista chinês.

Discutindo: O sonho e suas ilusões sempre entusiasmaram os filósofos. O motivo é que, quando sonhamos, tudo nos parece real. Portanto, como saber se não estamos no meio de um sonho neste instante? ” A vida é um sonho”, escreveu o poeta espanhol Calderón de la Barca. E Jorge Luis Borges, escritos argentino, foi mais longe ainda, imaginando que nossa vida não era senão o sonhos de outra criatura…Você já chegou a alguma vez a duvidar de sua própria realidade? Como se convencer dela?

Beijos Beijos