Início » Poesia » Parábola:: Aquilo que não morre nunca

Parábola:: Aquilo que não morre nunca

MDH 6

Um dia, uma jovem foi à presença de Buda, aos prantos. Seu filho tinha acabado de morrer e ela, que já tinha perdido o marido, estava sozinha no mundo. A jovem esperava que Buda fizesse um milagre, desejando intimamente que lhe devolvesse a criança. Buda sorriu-lhe com bondade e lhe disse:

– Vá até a cidade e me traga algumas sementes de mostarda de uma casa onde ninguém tenha morrido.

Ela foi. Contudo, em todos os lugares recebeu a mesma resposta:

– Poderíamos lhe tantas sementes de mostarda quanto você quisesse, mas sua condição é impossível de cumprir! Muitas pessoas já entregaram sua alma nesta casa!

Ela passou o dia inteiro teimando e bateu de porta em porta, esperando encontrar uma casa onde a morte jamais tivesse passado. Quando caiu a noite, a jovem desistiu e entendeu que a morte faz parte do ciclo da vida e que era inútil querer negar isso. Voltou ao encontro de Buda, que perguntou se ela trouxera as sementes de mostarda. A jovem ajoelhou-se diante dele, dizendo:

– Não vou mais lhe pedir que devolva meu filho, porque ele morreria de qualquer modo, um dia ou outro. Em compensação, ensine-me aquilo que não morre nunca.

Parábola budista.

Discutindo: Esta história pode parecer muito dura: Como é possível aceitar a morte de uma criança? No entanto, em algumas filosofias, a pessoa deve aceitar o sofrimento como uma etapa, como uma provação inevitável. Conforme outras filosofias, a dignidade, ao contrário, está na revolta contra aquilo que nos parece inadmissível: o sofrimento, a velhice, a morte de uma criança…O que você acha? Como você reage diante das grandes dificuldades da vida?

Beijos Beijos

Anúncios

10 pensamentos sobre “Parábola:: Aquilo que não morre nunca

Comenta ai amada! Volte sempre que puder!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s